Excelência em Economia - Concurso de Monografia

A+ A A-

Dando prosseguimento ao seu projeto de valorização da profissão de economista, o CORECON-SP instituiu, desde 1996, o Prêmio CORECON-SP de Excelência em Economia, com o objetivo de premiar os autores dos três melhores trabalhos de graduação em economia.

Podem concorrer - um trabalho por Faculdade - as monografias de conclusão de curso do ano letivo anterior ao do concurso. 
 

  • Regulamento

  • I - Do Concurso

     

    Art. 1o - O Conselho Regional de Economia – 2a Região - São Paulo, institui o concurso anual de monografias - Prêmio CORECON-SP de Excelência em Economia, com o objetivo de estimular o aprimoramento da pesquisa e elaboração de trabalhos acadêmicos, dos formandos de economia dos cursos de graduação das faculdades paulistas e divulgar o conhecimento econômico, contribuindo para a eficácia profissional do economista.

     

    II - Das Monografias

     

    Art. 2o - Somente poderão concorrer as monografias de conclusão do curso de economia dos formandos do ano anterior ao do concurso, elaboradas em instituições de ensino com sede no Estado de São Paulo.

    Art. 3o - Concorrerá à premiação o melhor trabalho anual selecionado pelo Departamento de Economia de cada faculdade.

     

     

    III - Dos Temas

     

    AArt. 4o – As áreas temáticas sugeridas são:
    •  Economia geral
    •  História do pensamento econômico, metodologia e correntes de pensamento econômico
    •  Métodos matemáticos e quantitativos
    •  Microeconomia
    •  Macroeconomia e economia monetária
    •  Economia internacional
    •  Mercado financeiro nacional e internacional
    •  Finanças públicas
    •  Economia da saúde
    •  Economia do trabalho
    •  Distribuição de renda
    •  Demografia econômica
    •  Previdência social
    •  Educação
    •  Direito e economia – Regulação Econômica
    •  Organização industrial
    •  Desenvolvimento econômico, evolução tecnológica e crescimento
    •  Sistemas econômicos
    •  Economia agrícola e dos recursos naturais
    •  Economia do meio ambiente e da ecologia
    •  Economia urbana, rural e regional
    •  Outros tópicos especiais

    Parágrafo único: Anualmente, o Plenário do CORECON-SP decidirá pela manutenção ou alteração dos temas das monografias, acompanhando o desenvolvimento da ciência econômica e o interesse profissional do economista.

     

     

    IV - Da Inscrição

     

    Art. 5o - A inscrição será feita pelo Departamento de Economia da Faculdade, mantendo-se sob sigilo os nomes do autor e do orientador, que deverão ser identificados por pseudônimos.

    Parágrafo 1o - As monografias deverão ser enviadas única e exclusivamente por meio eletrônico para o e-mail: monografia@coreconsp.org.br, não podendo ter menos de 50 mil toques (30 laudas) nem mais de 150 mil toques (100 laudas), desconsiderados anexos e apêndices.

    Parágrafo 2o – A Faculdade deverá encaminhar junto à monografia, os nomes do aluno e do orientador, com os respectivos endereços e telefones para posterior contato. Este documento deverá ser enviado para o mesmo endreço eletrônico: monografia@coreconsp.org.br.

    Parágrafo 3o - Não poderá ser inscrita anualmente mais de uma monografia por Curso de Graduação em Ciências Econômicas de cada instituição do Estado de São Paulo.

    Parágrafo 4o - As monografias deverão ser inéditas (não publicadas).


    Parágrafo 5o - Os trabalhos que não atenderem às exigências especificadas nesta seção serão automaticamente desclassificados do Concurso ao Prêmio CORECON-SP de Excelência em Economia.

     

     

    V - Do Prazo

     

    Art. 6o - As inscrições das monografias pelas Faculdades deverão ser feitas até o dia 31 de maio, mediante o envio do arquivo eletrônicos.

    Parágrafo Único - O prazo para inscrições poderá ser prorrogado a critério do CORECON, que o divulgará através do seu site (www.coreconsp.org.br).

     

    VI - Da Organização

     

    Art. 7o - O Plenário do CORECON-SP indicará, dentre seus Conselheios Efetivos, um  Coordenador da Comissão Julgadora que avaliará as monografias.

    Art. 8o - O Plenário do CORECON-SP instituirá as atribuições da Comissão Julgadora das monografias.

    Art. 9o - A Comissão Julgadora será coordenada por um Conselheiro do CORECON-SP, indicado pelo Plenário, e será composta por pelo menos quatro economistas com notório saber no campo da ciência econômica, metodologia e elaboração de trabalhos científicos.

    Art. 10 - Os critérios de avaliação das monografias serão estabelecidos pela Coordenação da Comissão Julgadora.

    Art. 11 - O Coordenador da Comissão Julgadora terá o voto de decisão em caso de empate.

     

     

    VII - Da Premiação

     

    ArArt. 12 -  Serão premiados os autores das melhores monografias, indicadas por cada Faculdade, com o Diploma de Mérito correspondente.

    Art. 13 -  A Comissão Julgadora premiará as três melhores monografias por ordem de classificação.

    Parágrafo 1o É vedada a participação das monografias premiadas em outros concursos.

    Art. 14- A Comissão Julgadora poderá conceder até o total de 3 menções honrosas para as monografias apresentadas.

    Art. 15 - As decisões da Comissão são irrecorríveis.

    Art. 16 - Caberá ao Plenário do CORECON-SP fixar e divulgar anualmente os prêmios a serem concedidos aos vencedores, bem como as datas de inscrição e a forma de entrega dos prêmios.

    Art. 17- As monografias vencedoras serão disponibilizadas na forma digital no site do CORECON-SP.

    Art. 18 - A solução dos casos omissos, será de competência exclusiva do Plenário do CORECON-SP.

     

    • Premiação
    • Os vencedores ganharão os seguintes prêmios:

      Pelo CORECON-SP:

      1º lugar - R$ 4.000,00
      2º lugar - R$ 3.000,00
      3º lugar - R$ 2.000,00

       

      Voltar Imprimir

      Preencha o formulário e atualize o seu cadastro no CORECON.